LinkedIn lista as 15 profissões que estarão em alta em 2020. Conheça cada uma delas!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on google

O mercado de trabalho vive um momento de constante transformação. A era da digitalização está trazendo um cenário com novas profissões e oportunidades. Conhecer esse contexto é essencial para se preparar às novas demandas da profissão em que se atua ou até mesmo para auxiliar em uma possível mudança de carreira.

Recentemente, o LinkedIn divulgou um levantamento das 15 profissões que estarão em alta em 2020. Nove delas estão diretamente ligadas à tecnologia da informação. Conheça cada uma delas e veja dicas de como destacar o currículo e LinkedIn para essas áreas.

1 – Gestor de Mídias Sociais

Desde 2015, a procura por um profissional nesta área cresceu cerca de 122%. Os profissionais que atuam neste segmento são responsáveis pela imagem, relacionamento e engajamento da empresa nos canais digitais (site e mídias sociais), além de trabalharem com a prospecção de venda de algum produto ou serviço.

No currículo, estes profissionais devem contar as principais experiências que tiveram na área. É interessante trazer números, como o aumento de curtidas e comentários das páginas, o quanto isso refletiu em vendas para a empresa etc. Além de destacar a formação e o conhecimento em marketing, é importante também listar o conhecimento que possuem em ferramentas como Adobe Photoshop, Illustrator e Google Ads.

Como este profissional cuida justamente das redes sociais, o perfil no LinkedIn deve ser campeão! Deve estar sempre atualizado, com uma boa foto de perfil e de capa, além de um resumo caprichado. Solicite recomendações, liste suas habilidades, siga empresas e faça parte de grupos. Fale sobre suas experiências profissionais, não cometa erros de português, customize os convites para novas conexões, personalize a URL do perfil e poste bons conteúdos. Essas dicas valem para o perfil de profissionais das mais diversas áreas de atuação!

2 – Engenheiro(a) de Cibersegurança

Esta profissão se tornou essencial para as empresas. Afinal, qualquer dispositivo conectado à internet está sujeito a ataques cibernéticos. Os profissionais desta área deve criar sistemas de segurança, monitorar a infraestrutura da empresa e implementar processos e controles.

Tanto no currículo quanto o perfil no LinkedIn, os profissionais em busca de uma oportunidade para atuar como engenheiro de cibersegurança devem enaltecer os programas, softwares, linguagem de programação e sistemas que dominam. Além disso, devem destacar os cursos mais importantes ou recentes que fizeram e as certificações que obtiveram. A área de TI remete à inovação e modernidade. Por isso, os profissionais precisam caprichar no layout dos currículos e deixar o perfil no LinkedIn sempre atualizado.

3 – Representante de vendas

Os vendedores continuam essenciais para as empresas. Para se destacar no mercado em 2020, esses profissionais devem mostrar que dominam as estratégias de marketing e que sabem mapear as necessidades dos clientes, em todas as fases da venda.

O currículo de um representante deve conter o máximo possível de resultados. Metas batidas, aumento de faturamento, queda do índice de inadimplência são informações que devem constar no documento. Os profissionais da área também devem destacar os cursos que fizeram, ferramentas que dominam, idiomas que são fluentes etc. Todas essas informações devem estar também no perfil no LinkedIn.

4 – Especialista em sucesso do cliente

Para as empresas, o relacionamento com os clientes está se tornando cada vez mais essencial. Manter o interesse deles em seus produtos e serviços é primordial. Por isso esta profissão é tão importante! O especialista em sucesso do cliente tem o grande papel de proporcionar uma experiência de qualidade ao comprador após a venda.

O currículo de um profissional desta área deve mesclar habilidades comportamentais e técnicas. O especialista em sucesso do cliente deve destacar que é comunicativo, atencioso e que sabe gerenciar relacionamentos. Além disso, deve dar ênfase nas ferramentas que utiliza, afinal as empresas que mais procuram profissionais para essa vaga estão ligadas à tecnologia. Experiência em inbound marketing e marketing digital também devem ser mencionadas no currículo. Todas essas informações devem estar também no perfil no LinkedIn.

5 – Cientista de dados

Dados são ferramentas poderosíssimas para qualquer empresa, pois proporcionam informações importantes sobre o comportamento do cliente, mercado etc. Por isso, os cientistas de dados serão profissionais cada vez mais requisitados. Eles deverão fazer a captura, processamento, análise, representação e interpretação dos dados, além de construir modelos, fazer experimentos e buscar insights para a melhor tomada de decisão.

Tanto o currículo quanto o perfil no LinkedIn de um cientista de dados deve destacar os conhecimentos primordiais que o mercado pede para quem pretende atuar nesta área, como machine learning, ciência de dados, linguagem python e linguagem R. Precisam, ainda, conter os cursos mais importantes ou recentes que fizeram e as certificações que obtiveram. Além, claro, de apostar em um layout moderno e uma linguagem direta e sucinta.

6 – Engenheiro(a) de dados

Trata-se de um engenheiro de software especializado em backend. Este profissional é responsável por construir a infraestrutura e os sistemas para organização de dados de uma empresa. Atua, ainda, no armazenamento, distribuição e recuperação de informações primordiais para a organização.

Para se destacar, tanto no currículo, quanto no perfil no LinkedIn, este profissional deve deixar em destaque as habilidades mais requeridas pelas empresas: o conhecimento em ferramentas do servidor web livre Apache e da linguagem de programação Python. Falar também sobre participações em eventos importantes da área, certificações e experiências no ramo. Para chamar a atenção dos recrutadores, o currículo deve ter uma linguagem simples e objetiva, aliado a um layout arrojado.

7 – Especialista em Inteligência Artificial

Mais uma profissão ligada à Tecnologia da Informação em alta. A Inteligência Artificial é primordial para empresas que buscam por inovação. E um especialista nessa área é essencial para alcançar esse objetivo.

Como todo currículo da área de TI, o profissional deve contar sobre suas experiências na área de forma clara e objetiva. No caso de um especialista em Inteligência Artificial, deve destacar, principalmente, suas habilidades com machine learning, deep learning e a linguagem de programação Python. Todas essas informações devem estar também no perfil no LinkedIn.

8 – Programador(a) de JavaScripit

JavaScript é uma das principais linguagens de programação da internet, pois permite páginas de web interativas. Grande parte dos sites e navegadores têm o mecanismo JavaScripit para executá-los. Empresas da área de TI (Tecnologia da Informação) são as que mais procuram programadores com essa especialização.

O currículo de um programador de JavaScripit, assim como seu perfil no LinkedIn, deve descrever suas experiências anteriores na área, as últimas 15 participações mais recentes e importantes em eventos do segmento, além de destacar os conhecimentos primordiais que este profissional deve ter: React.js, Node.js, AngularJS, Git e MongoDB. Lembre-se: escreva todas essas informações também no perfil no LinkedIn.

9 – Investidor Day Trader

Este profissional trabalha com estratégias de compra e venda de ações em bolsas de valores em um mesmo dia. Por ser uma estratégia imediatista, é exigido deste investidor análises e tomada de decisão rápidas.

O currículo deste profissional, assim como seu perfil no LinkedIn, deve listar suas experiências e qualificações, principalmente o conhecimento em bolsa de valores, mercado de capitais, trading (investimentos de curto prazo) e a metodologia technical analysis (análise técnica, em português), que objetiva prever o comportamento futuro do mercado baseado em dados históricos. É necessário conter essas informações de forma clara e objetiva. Tudo isso deve ser destacado também no perfil no LinkedIn do profissional.

10 – Motorista

Segundo o estudo feito pelo LinkedIn, a procura por motoristas está em alta no mercado. Empresas ligadas a internet e a serviços e facilidades ao cliente, como os aplicativos de transporte de passageiros e os de compras e entregas, serão as principais contratantes destes profissionais.

No currículo e no perfil no LinkedIn, esse profissional deve ir além de ser um bom motorista. Ele deve destacar suas qualidades em relação ao atendimento ao cliente, técnicas de negociação e conhecimento em ferramentas básicas, como Microsoft Word e Excel. Tudo isso em um documento organizado, com uma linguagem direta e objetiva.

11 – Consultor(a) de Investimentos

Mais uma profissão ligada à finanças no ranking! O consultor de investimentos tem o importante papel de orientar os clientes sobre como podem aplicar seus recursos, de acordo com suas expectativas e níveis de tolerância ao risco. Para isso, o profissional deve dominar os variados tipos de investimentos para direcionar as melhores estratégias.

Este conhecimento deve estar explícito no currículo e também no perfil do LinkedIn do profissional! Destaque suas experiências no mercado de capitais e financeiros. As empresas buscam por profissionais que tenham conhecimento sobre renda fixa e análise financeira. Deixe isso em evidência no seu documento! Descreva também suas participações em eventos importantes da área, além de certificações obtidas.

12 – Assistente de Mídias Sociais

Este profissional tem o papel de pesquisar marcas ou mercados competitivos, executar campanhas nos sites e redes sociais e criar uma voz ou imagem online que seja desejável e atinja o público-alvo da empresa. Além da experiência na área, esses profissionais devem trazer no currículo os principais resultados que alcançaram, como o aumento de curtidas e comentários das páginas, o quanto isso refletiu em vendas para a empresa etc. É importante também listar o conhecimento que possuem em ferramentas como Adobe Photoshop, Illustrator e Google Ads. 

Cuidar das redes sociais é uma das funções deste profissional e, por isso, o seu perfil no LinkedIn deve ser caprichado! Tenha uma foto de perfil e de capa, além de um resumo interessante. Solicite recomendações, liste suas habilidades, siga empresas e faça parte de grupos. Fale sobre suas experiências profissionais, não cometa erros de português, customize os convites para novas conexões, personalize a URL do perfil e poste bons conteúdos.

13 – Desenvolvedor(a) para Salesforce

O Salesforce é um dos sistemas CRM (em português, Gestão de Relacionamento com o Cliente) mais fortes do mercado. Ele centraliza em um único banco de dados todas as interações entre uma empresa e seus clientes. Os programadores especialistas nele analisam os processos da empresa, desenvolvem fluxos de trabalho e gerem soluções para necessidades específicas do negócio.

Para se destacar entre os recrutadores, os profissionais desta área podem contar, no currículo e também no seu perfil no LinkedIn, brevemente, os projetos e experiências que tiveram com o sistema, destacando os resultados trazidos para as empresas. É importante também mostrar os cursos e eventos que participam, para mostrar o quanto se atualizam no assunto. Além disso, devem mencionar o conhecimento que possuem em Desenvolvimento de Salesforce.com, linguagem de programação Apex, recursos do Salesforce.com, administração de Salesforce.com e Visualforce.

14 – Recrutador(a) especialista no setor de Tecnologia da Informação 

O setor de Tecnologia da Informação não para de crescer. E para contratar tantos profissionais qualificados de TI, o mercado precisa também de recrutadores especializados no setor! Não à toa que esta profissão teve 56% de crescimento no último ano.

Este profissional precisa mostrar, tanto no seu currículo quanto no seu perfil no LinkedIn, que domina as técnicas de recrutamento, entrevistas e pesquisa de candidatos para fazer as melhores escolhas em um processo seletivo. 

15 – Coach de metodologia Agile

A Agile é uma metodologia de gerenciamento de projetos focada em desenvolver equipes mais ágeis, de modo a facilitar as transformações na cultura organizacional necessárias para a sustentabilidade da empresa. O coach especializado nesse modelo treina os times e supervisiona o desenvolvimento deles para que possam contribuir com seu potencial para resultados efetivos.

Para se destacar, este profissional precisa mostrar, tanto no seu currículo quanto no seu perfil no LinkedIn, os conhecimentos primordiais para exercer este trabalho, como Kanban, metodologia Agile, Scrum e gestão de projetos em Agile. É importante também destacar os cursos que participa e atualizar a formação, para mostrar que é um profissional atento às mudanças do mercado.

O que achou da lista? Atua em alguma dessas profissões? Pensa em migrar para alguma delas?

Fonte: LinkedIn – Estudo Profissões Emergentes em 2020

Faça agora uma análise gratuita de seu currículo

Clique ou arraste um arquivo para esta área para fazer upload.
Anexe seu Currículo. O Arquivo precisa ser em formato .pdf, .doc ou .docx.
10% de DESCONTO EM TODOS PACOTES

Campanha especial para o Mês do Trabalhador, válida até o dia 31/05.

Use o cupom de desconto

TRABALHADOR10

Aproveite nossa campanha de desconto do Mês do Trabalhador e destaque no mercado de trabalho.

Use o cupom de desconto no carrinho:

Campanha válida até 31/05

TRABALHADOR10